As incríveis peripécias de nossas vidas medíocres!


Sonhos
16 de outubro de 2009, 21:22
Filed under: Belo Horizonte, Devaneios, filho | Tags: , , ,

Eu queria poder acordar todo dia sem ser as 6:30 com o Yuri batendo na porta: “Mãe! Tá na hora!”.

Queria não ter que fazer café da manhã, nem almoço e nem jantar.

Queria não ter que lavar a louça.

Queria que a minha casa fosse autolimpante.

Queria ter todas as minhas amigas sempre por perto.

Queria a minha família aqui do lado.

Queria poder conhecer um país novo a cada ano.

Queria descobrir alguma coisa realmente útil.

Queria poder ajudar as pessoas.

Queria ser menos aflita.

Queria ser uma pessoa melhor.

Queria saber cantar.

Queria poder comer o tanto que eu comia na adolescência sem engordar.

Queria fazer dança de salão.

Queria não precisar de dinheiro, pra nada!

Queria que as pessoas e coisas queridas nunca acabassem.

Queria poder voltar no tempo pra matar a saudade ou pra ter certeza de que o melhor tempo é sempre o presente.

Queria que a igualdade, dentro da diversidade, fosse uma realidade, e não um sonho.

Queria que todo mundo tivesse um filho feito o meu.

Queria ter tido um pai legal.

Queria um chef  24h com especialização em comidas saudáveis, não necessáriamente lights porque eu não ia engordar.

Queria voltar a fumar sem ter que me preocupar com a saúde.

Queria poder beber todo dia sem ter medo de virar alcoolista.

Queria acordar tarde sem culpa.

Queria poder dormir de dia sem me sentir culpada por isso.

Queria que a minha vó voltasse a lembrar das coisas, ainda que fosse devagarinho, do mesmo jeito que aconteceu quando ela foi perdendo a memória.

Queria que meus heróis de infância não tivessem virado pessoas tão babacas.

Queria muitas, muitas coisas! Mas, já que aqui eu posso querer o que eu quiser, o que  eu ia querer mesmo, é que Deus trouxesse o mar de Varadero pra BH!

varadero-beach



É mais ou menos isso que o meu marido faz!
5 de dezembro de 2008, 13:28
Filed under: Família, Interessantíissimo, Sons, Uncategorized | Tags: , , , , ,


Sempre sonhei em ter marido artista. Podia ser fotógrafo, músico, cineasta, artista plástico…
Pra mim, quem faz arte vive de um jeito diferente, um jeito mágico!
Pois é eu tenho a SORTE de ter um marido multiuso!!!
Ele é músico, mas eu gosto de dizer que é multihomem, pois fotografa, filma, desenha…e o que é melhor: grava o sonho das pessoas lá no estúdio!
Adicionei este vídeo porque achei ele ótimo e ainda por cima, ele mostra direitinho como os sonhos podem e são gravados.