As incríveis peripécias de nossas vidas medíocres!


Perguntas que não querem calar

Episódio de hoje:

O SOM DA TV

Quem tem TV a cabo já deve ter reparado que quando chega a hora do comercial, o som, do nada, aumenta muito e bruscamente.

Minha teoria é a de que estes canais são inclusivos e querem que até os surdos ouçam!

A teoria do meu marido é baseada na teoria “A Grama do Vizinho é Sempre Mais Verde”. Segundo ele, o som aumenta na hora do comercial porque assim seu vizinho fica sabendo que canal você está assistindo e, invejoso que é, muda de canal.

Outra hipótese formulada por ele é que assim você pode ir no banheiro tranquilo pois, enquanto estiver ouvindo a TV sabe que seu programa ainda não começou.

Nenhuma delas me satisfaz.

Sendo assim, a pergunta do momento, que não quer calar é:

POR QUE O SOM DA TV AUMENTA NA HORA DO COMERCIAL QUANDO ESTAMOS ASSISTINDO PROGRAMAS DA TV A CABO?

Comente sua opinião!

Anúncios


Cuidado com a TV!

Esses dias, eu e meu marido resolvemos assistir ao Jornal Hoje, da Rede Globo.

Meu filho, esperto e bem treinado que é, foi logo surtando:

-Que é isso gente! Assistindo Rede Globo!?

-Calma Yuri! É só pra lembrar a nossa infância, quando não tinha TV a cabo e só sobrava este jornal pra assistir…

-Ou Chaves, lembra?!

De repente, todos fomos “surpreendidos” por uma “interessantíssima” matéria sobre lanche escolar.

Além de pérolas como ” Coloque o sanduíche em um recipiente duro, porque senão ele vai ficar com o aspecto de que alguém sentou em cima” ou “seque bem a salada porque senão ela gruda no pão e no guardanapo e a criança não come”, apareceu uma chefe de cozinha dando dicas para o menu do lanche escolar.

O Yuri se interessou na hora!

Então, a chefe de cozinha dava uma série de dicas ABSURDAS, “superpráticas” e “saudáveis”: Pão de batata recheado e feito em casa, enroladinho de “salchicha”…

De repente ela lança:

-Mas o importande mesmo e ser criativa! – E pega um papel de bala de coco SUPER incrementado – Você pode usar este papel para embrulhar uma ameixa, um damasco, ou uma castanha. A criança fica curiosa e acaba comendo!

-Nossa! Eu queria que o meu lanche fosse assim…

-É, daí a sua mãe ia mandar um papelzinho desses, com uma ameixa dentro e você ia abrir, todo contente, achando que era uma bala de coco…

-Ia nada, eu ia achar que era uma bala de coco estragada, ia jogar no lixo e ainda brigar com a minha mãe!

-Ainda bem que a gente não vive no Mundo da Rede Globo!

Mudei de canal, feliz!